O fudge é uma reeita muito doce e popular em muitos lugares no mundo.  O fudge de chocolate então, funciona melhor ainda como uma sobremesa, principalmente para pessoas que querem optar por refeições mais saudáveis e que buscam receitas específicas para quem tem intolerância a lactose e ao glúten.

Como fonte de flavonoides e com excelente ação antioxidante, o cacau age em conjunto com a linhaça reduzindo os níveis de colesterol LDL. O cacau também tem a capacidade de agir na função imunológica e na inflamação, ajudando na diminuição da pressão arterial. Junte ambos com a ação antioxidante do selênio, mineral no qual a castanha do Brasil é rica, e temos mais uma receita para sua lista de sobremesas saudáveis. Cuidado só para não exagerar.

Ingredientes

  • 2 xícaras de castanhas do Brasil, hidratadas
  • 1 xícara de ameixas secas hidratadas
  • 1 xícara de passas hidratadas
  • 1 xícara de cacau em pó
  • ½ xícara de água
  • ½ xícara de sementes de linhaça moída
  • ½ xícara de alfarroba em pó
Fudge de chocolate com linhaça

Que tal arriscar um pouco com esta receita e deixar seus convidados babando? (Foto: http://www.centrovegetariano.org)

Preparo

Você deve utilizar um liquidificador ou processador de alimentos para bater todos os ingredientes, separando apenas as sementes de linhaça. A textura da mistura deve ficar bem cremosa. Assim que a textura estiver neste estado, acrescente as sementes de linhaça e continue misturando até as sementes sumirem dentro da mistura. Unte um tabuleiro com óleo de coco e derrame a massa de maneira uniforme, espalhando-a com uma colher de pau. Leve ao congelador por 2 horas. Retire do congelador, corte em pedaços de uma maneira uniforme de sua preferência e leve novamente ao congelador para congelar. Então, pode servir à vontade esta deliciosa receita, que rende até 30 pedaços e com um valor calórico de apenas 160 calorias por porção.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos, dietas ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)