A pancreatite é uma inflamação do pâncreas, um órgão que cria a insulina, o que ajuda o processo de glicose no corpo. Se o pâncreas não está funcionando adequadamente, é possível uma pessoa de desenvolver diabetes. Quando uma pessoa tem pancreatite, ele não está a absorver adequadamente os nutrientes dos alimentos. Ataques de pancreatite pode ser tanto agudos quanto crônicos. Os sintomas incluem dor forte na parte superior do abdome, náuseas, febre e aumento da freqüência cardíaca. A pancreatite crônica também afeta a produção de insulina. Se você sofre de pancreatite aguda, uma mudança em sua dieta pode ajudá-lo a se sentir melhor.

Antioxidantes na dieta: linhaça!

Aumentar a sua ingestão antioxidantes podem ajudar a prevenir a pancreatite e diminuir seus sintomas. Os antioxidantes são encontrados em algumas frutas e legumes de folha verde. Algumas evidências mostram que os radicais livres, subprodutos de metabolismo, desempenham um papel na inflamação do pâncreas. Os antioxidantes ajudam o corpo a se livrar desses radicais livres. É também imperativo que qualquer pessoa com pancreatite parar de beber álcool, pois pode induzir a inflamação. A linhaça, ao ser acrescentada em sua dieta, também pode incluir uma boa quantidade de antioxidantes para esse tratamento.

Alimentos a evitar

Para tratar a pancreatite você quiser parar de comer todos os alimentos que possam causar alergias, como trigo e produtos lácteos. Além disso, fique longe de alimentos refinados como açúcar, massas e pão branco. Frituras, bolachas e biscoitos industrializados também não são recomendados. Uma das principais causas da pancreatite são níveis elevados de gordura no sangue. Uma boa maneira de eliminar a gordura é remover a carne vermelha em sua dieta. Substituindo por soja é uma boa alternativa, porque tem muitos dos mesmos nutrientes como a carne, mas sem as gorduras saturadas.

Pancreatite e linhaça

Além do óleo de linhaça, uma alimentação balanceada pode ajudar muito no tratamento da pancreatite. (Foto: divulgação)

Nutrição adequada

É importante comer alimentos ricos em vitaminas do complexo B e ferro, como grãos integrais, vegetais folhosos e escuros. Para a proteína, é melhor comer peixe do que carne vermelha. Você deve beber 6 a 8 copos de água por dia. Os probióticos em iogurte ajudam a manter um equilíbrio no seu sistema digestivo e pode ajudar a curar pancreatite aguda, e aqui você pode incrementar suas misturas de iogurte com a linhaça. Outra boa opção é a sopa de legumes com caldo à base de tomate. Este caldo é rica em antioxidantes e mais fáceis de digerir do que os vegetais crus.

Suplementos para ajudar no tratamento da pancreatite

Completando sua dieta com vitaminas e ervas também pode ajudar a pancreatite. Você pode obter a partir de multivitaminas contendo antioxidantes A, C, E e D, bem como tomar o óleo de linhaça ou óleo de peixe, que contêm ácidos graxos ômega-3. Você também pode comprar suplementos probióticos em lojas de alimentos saudáveis, mas estes na maioria das vezes necessitam de refrigeração. Algumas ervas são úteis também, como os poderosos antioxidantes encontrados no chá verde. Outras ervas que contêm antioxidantes são manjericão e extrato de semente de uva. Cogumelos reishi tanto estimulam o sistema imunológico quanto os seus efeitos anti-inflamatórios ajudam a acalmar a pancreatite. Você nunca deve usar ervas como o principal remédio para pancreatite, e você deve falar com o seu médico antes de começar a usá-las. Lembre: este blog é apenas informativo e em nenhum momento substituímos o conselho de um profissional da saúde. Dito isso, boa sorte e bom tratamento da sua pancreatite!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos, dietas ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)