A maioria das aplicações do óleo de linhaça exploram as suas propriedades de secagem, isto é, o material inicial é um líquido ou pelo menos maleável e o material envelhecido é rígido, mas não quebradiço. A natureza hidrofóbica do material resultante da base de hidrocarbonetos é vantajoso. Já sabemos também do uso do óleo para a alimentação. Então por que não listar alguns dos usos do óleo de linhaça?

O óleo de linhaça é comumente utilizado em pintura a óleo. Ele também pode ser usado como um meio de pintura, tornando as tintas a óleo mais fluidas, transparentes e brilhantes. A introdução do óleo de linhaça foi um avanço significativo na tecnologia de pintura a óleo.

A massa de vidraceiro tradicional, constituída por uma pasta de pó de giz e óleo de linhaça, é um vedante de janelas de vidro que endurece dentro de algumas semanas de aplicação e, em seguida, pode ser pintada.

Quando utilizado como um revestimento de madeira, o óleo de linhaça seca lentamente e diminui pouco após o endurecimento. O óleo não cobre a superfície como o verniz faz, mas penetra nos poros (visíveis e microscópicos), deixando uma superfície brilhante. Um acabamento de óleo de linhaça é facilmente reparável, mas não fornece nenhuma barreira significativa contra arranhões. É um acabamento puramente estético. Além disso, um luthier pode usar óleo de linhaça ao recondicionamento uma guitarra, bandolim, ou outro instrumento de cordas.

Usos alternativos para o óleo de linhaça

O óleo de linhaça pode ser usado para dar um tratamento estético à madeira. Ele não a deixará imune da umidade, arranhões ou dará uma proteção tão boa quanto o verniz, mas tem um ótimo efeito estético. (Foto: otherpower.com)

O óleo de linhaça também é usado para ligar o pó de madeira, partículas de cortiça, e materiais relacionados para a fabricação da cobertura de chão de linóleo.

Agora, indo para o uso mais comuns dos leitores do blog, embora as sementes de linhaça conterem lignanas, uma classe de fitoestrógenos quem tem antioxidantes e propriedades preventivas do câncer, o óleo extraído da linhaça, segundo alguns, não contémas  lignanas encontradas na semente, e, supostamente, não tem as mesmas propriedades antioxidantes. Algumas marcas de suplemento tem lignanas adicionadas durante a produção. O óleo de linhaça é facilmente oxidado, e torna-se rapidamente rançoso, com um odor desagradável, a não ser quando refrigerado. Mesmo quando mantido sob condições de frio, a vida útil do óleo para consumo é de apenas algumas semanas.  Normalmente o consumo do óleo se dá através de cápsulas.

Existem ainda alguns usos não muito ortodoxos para o óleo de linhaça como manutenção de bicicletas, inibidor de ferrugem, lubrificante, alimento animal, lubrificante industrial de baixo custo e muito mais. Mas listamos aqui os principais usos e que tem sua eficácia comprovada. Se você conhece mais algum uso para o óleo da linhaça, compartilhe conosco nos comentários!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos, dietas ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Todas as aplicações do óleo de linhaça”

  1. Mariano

    Também serve para cozinhar linha de pesca na modalidade de fly, linhas trançadas de poliamida.

    Responder
  2. Sergio

    Muito boa matéria e inteligente e esclarecedora

    Pois bem sabe me falar da composição de piso linoleo vom po e calcareo
    Prorção da linhaça

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)